20 de outubro de 2020

Retomar o relacionamento com as famílias na volta das aulas presenciais

Por Bruna Batista

Compartilhar

A pandemia, o isolamento e toda a mudança radical na convivência humana pela qual passamos nos últimos meses afetou diretamente a nossa saúde mental. No momento, algumas escolas já estão retomando suas aulas presenciais. Ainda não sabemos exatamente quando será esse retorno para todas as instituições, nem como ele irá ocorrer, mas já é possível se organizar desde já sob alguns aspectos.

Ter uma boa relação com as famílias dos estudantes matriculados na instituição é fundamental para um maior bem-estar de todos, garantindo a satisfação dos responsáveis e também auxiliando na retenção de alunos para o próximo ano. Veja nesse artigo algumas dicas sobre como reforçar o relacionamento com as famílias com a volta às aulas. Boa leitura!

 


 

O retorno das aulas presenciais

Alguns Estados brasileiros já autorizaram o retorno das aulas presenciais, mas tais decisões dependem do nível em que estão os casos de infecção pelo coronavírus e também podem ser barrados por decisões judiciais. Os números da pandemia ainda são instáveis, subindo e descendo muito rápido em diferentes cidades.

Por tudo isso é que essa retomada se torna incerta e depende do contexto de cada Estado e cidade. Para que seja possível realizar esse retorno da forma mais segura possível para os alunos, familiares e educadores, ele deve ser feito com muito estudo e com atenção às medidas de prevenção.

Ainda que não exista certeza sobre quando será possível retomar as atividades presenciais em todas as cidades, a instituição de ensino pode se planejar para esse momento. Um aspecto importante é a atenção ao relacionamento com as famílias dos alunos. Após tantos meses de contato apenas virtual, o retorno do contato presencial é um momento importante. Cabe à gestão escolar se atentar a algumas questões para garantir um bom relacionamento.

 

Retomar o relacionamento com as famílias

O momento de pandemia mudou a relação entre pais e responsáveis e a escola. Eles puderam entender a importância daquele ambiente na sua própria rotina e na rotina dos estudantes. Por isso, no momento do retorno presencial, a escola deve prezar por esse relacionamento e deixar claro que tentará ajudar no que for possível para que essa nova transição seja tranquila. O cuidado que a escola tem com seus alunos é algo que pais e responsáveis valorizam muito.

Além disso, algumas atitudes que podem auxiliar nesse relacionamento:

Entenda as diferentes realidades

Muitas estruturas familiares podem ter alterado seu funcionamento durante a quarentena, algumas podem não estar com uma boa situação financeira ou podem ter passado por alguma perda de ente querido. A gestão escolar pode tentar organizar uma reunião presencial ou uma conversa por telefone com cada família para ter esse momento de alinhamento e  maior compreensão.

Nesse momento de retomada das aulas presenciais, de retorno à normalidade, é preciso exercer o sentimento de empatia para entender a realidade de cada um.

Procure saber como está a saúde mental das pessoas

Perguntar aos pais e familiares como o aluno tem lidado com a pandemia ajuda a entender melhor quais são as primeiras ações que a escola pode realizar na volta às aulas presenciais. Entender como pais e responsáveis estão também é importante para essas ações, já que o ambiente familiar pode afetar diretamente o rendimento e o estado emocional dos estudantes. Além disso, essa é uma oportunidade de demonstrar o cuidado da escola e sua preocupação com o bem-estar de todos.

Podem ter alunos que se deram bem com o ensino remoto e outros que não tiveram tanta facilidade, e estão se sentindo desmotivados, por isso ter essa conversa e entender como cada um está lidando com os desafios é muito importante. Contudo, essa é uma ação que exige tato no momento da conversa, por isso, planeje antes como será essa abordagem.

Deixe claro todas as medidas de proteção que a escola está adotando

Alguns pais podem estar inseguros com o processo de retomada, pensando na saúde física de seus filhos e familiares. Por isso, converse com cada família e explique todo os processos e protocolos de segurança que a escola está adotando para garantir que não ocorram contágios na instituição.

 

A importância de uma boa gestão escolar

Escola e família são um time e manter um bom relacionamento depende muito de uma gestão escolar que estimule essa relação. É preciso fazer com que as famílias se sintam bem vindas na instituição, que encontrem ali uma parceria.

A gestão é indispensável para qualquer instituição e une os esforços da direção e de toda equipe pedagógica em prol da formação e do desenvolvimento dos alunos. As decisões da gestão devem buscar implementar melhorias no ensino aprendizado.

Por compreender a importância da atuação da gestão escolar, a Livro Fácil elaborou o material “Os 6 pilares da gestão escolar”! Confira:

 

 

 

Compartilhar

Leia Também:

Deixe seu comentário